Efeito Caindo

Efeito Caindo

sábado, 26 de setembro de 2015

Caminhar a luta fiel


Neste feitiço de desencontros
Dia ante dia viver
Feliz em rastejar?
Nunca! Enquanto respirar
Lua / sol
Caminhar o caminho certo
O caminho de tua casa
Correndo as curvas que segue
No coração que persegue
A tal felicidade
Discorre em agradar-se
Com pouco?
Com nada?
Quero tudo!
Lutar a luta fiel
Não desistir
Uma muralha erigir
Transpassá-la afinal
Amo assim.

...o desfecho final.

Eu, Mõnica... Sempre incontestavelmente inconformada.

sábado, 19 de setembro de 2015

Sozinho, mas verdades


Nem a memória obtusa
Tira-me o que se foi
Lembranças difusas
Manchando o sacro
Admira-me o gosto acre
Mentiroso em história
Inverídicas.
Único e sábio
Aquele que segue
Incólume sozinho
Na natureza persegue
A verdade no ninho.
Da mente lúgubre,
Sigo incólume,
Incontaminável,
Rodeada,
Pensamentos,
Turbulências,
Mas...

Sempre verdades!!!

Eu, Mônica Gomes.

Desafortunado o que vive de Mentiras!

quinta-feira, 10 de setembro de 2015

Ainda sobre Borboletas


Aquelas borboletas
Não foram para lugar nenhum
Mentirinha delas...
Revoam 
E voam
No estômago,
Sem fim!

Eu, Mônica Gomes.



sábado, 5 de setembro de 2015

Oceano em fragmentos


"Fragmentos...
Um oceano de sonhos, recordações e idéias que de vivências flutuantes se erguem. 



... Fragmentos ao acaso."


 Mônica Gomes

quinta-feira, 3 de setembro de 2015

Ainda sobre amor... Deixando as borboletas voarem.


"Quando a gente quer muito uma pessoa, a gente se engana. A gente tenta encaixar aquele outro ser humano em posições que nunca foram dele. A gente clama ao universo para um sim em algo que já começou destinado ao não. A gente quer, e a gente bate o pé e faz pirraça feito criança para conseguir. Mas um dia a gente percebe que amor tem que ser uma via de mão dupla. Amor tem que ser fácil, tem que ser bom, tem que ser complemento, tem que ser ajuda. Amor que se luta é ego. Amor que rebaixa é dor. E então a gente aprende que amor que não é amor, não encaixa, não orna, não serve.
Fique com alguém que não tenha conversa mole. Que não te enrole. Que não tenha meias palavras. Que não dê desculpas. Que não bote barreiras no que deveria ser fácil e simples. Fique com alguém que saiba o que quer e que queira agora.
Fique com alguém que te assuma. Que ande com orgulho ao seu lado. Que te apresente aos pais, aos amigos, ao chefe, ao faxineiro da firma. Que segure a sua mão ao andar na rua. Que não tenha medo de te olhar apaixonadamente na frente dos outros. Fique com alguém que não se importe com os outros.
Fique com alguém que não deixe existir zonas nebulosas. Que te dê mais certezas do que perguntas. Que apresente soluções antes mesmo dos questionamentos aparecerem. Fique com alguém que te seja a solução dos problemas e não a causa.
Fique com alguém que não tenha traumas. Que não tenha assuntos mal resolvidos. Que saiba que para ser feliz, tem que deixar o passado passar. Fique com alguém que só tenha interesse no futuro e que queira esse futuro com você.
Fique com alguém que te faça rir. Que te mostre que a vida pode ser leve mesmo em momentos duros. Que seja o seu refúgio em dias caóticos. Fique com alguém que quando te abraça, o resto do mundo não importa mais.
Fique com alguém que te transborde. Que te faça sentir que você vai explodir de tanto amor. Que te faça sentir a pessoa mais especial do universo. Fique com alguém que dê sentido à todos os clichês apaixonados.
Fique com alguém que faça planos. Que veja um futuro ao seu lado. Que te carregue para onde for. Que planeje com você um casamento na praia, uma casa no campo e um labrador no quintal. Fique com alguém que apesar de saber que consegue viver sem você, escolhe viver com você.
Fique com alguém que não se esconda. Que não te esconda. Que cada palavra seja direta e clara. Que não dê brechas para o mal entendido. Que faça o que fala e fale o que faça. Fique com alguém cujas palavras complementam suas ações.
Fique com alguém que te admire. Que te impulsiona pra frente. Que te apoie quando ninguém mais acreditar em você. Que te ajude a transformar sonhos em realidade. Fique com alguém que acredite que você é capaz de tudo aquilo que queira.
Fique com alguém que você não precise convencer de que você vale a pena. Que não tenha dúvidas. Fique com alguém que te olhe da cabeça aos pés e saiba, sem hesitar, que é você e só você.
Fique com alguém que te faça olhar para trás e agradecer por não ter dado certo com ninguém antes. Fique com alguém que faça não existir mais ninguém depois."



quarta-feira, 2 de setembro de 2015

Ausência


Ah, minha cândida candura
de olhar tão claro
De clara alvura
Uma sonata não lhe confere
Confesso em minha clausura
Que me desapego em versos
Sem tempo pra lua
Minha solidão é um passatempo
Tão frágil, jogado a rua
Não contradiz meu desejo
Que é abraçar-te totalmente...


A lavadeira - Toulouse Lautrec

Eu, Mônica Gomes